top of page

Ocupação Artística Danka Umbert + Bruno Veiga

Ultrapassar os limites das bancas e explorar novos métodos expositivos estão entre nossos principais objetivos. É sempre uma satisfação encontrar quem nos apoie a levar um pouco do que oferecemos enquanto galeria para lugares por nós desconhecidos.


Desta vez, a Nova Banca Galeria uniu-se a @orbcreativelab e a @agamirecords em uma Ocupação Artística realizada em um apartamento secular, com vistas para o Largo de Santo António da Sé, em Alfama, em uma iniciativa especial pelo cariz solidário.




Foi mais uma oportunidade de reunir queridos amigos e apoiadores da Nova Banca, além de Danka Umbert @dankaumbert e Bruno Veiga @brunoveiga__, os artistas participantes, e o produtor Ross, da Orb Creative Lab.

Nova Banca Galeria
Artistas e Organizadores

A excepcionalidade desta vez é que parte das vendas das peças será revertida pela @agamirecords a favor da comunidade Mbya Guarani, localizada na região do Morro dos Cavalos, em Santa Catarina, Brasil.


Nossos imensos agradecimentos a todos que estiveram presentes connosco em mais esta gratificante experiência e a Orb Creative Lab e Agami Records pela oportunidade.



A Ocupação Artística Danka Umbert + Bruno Veiga acontece até a próxima sexta-feira, dia 21. Aos que queiram fazer uma visita, é favor nos contactar. Será uma alegria apresentar as obras e um pouco da trajetória dos artistas.

Para a Ocupação Artística, Bruno Veiga trouxe as já conhecidas séries Pedras Portuguesas I e II e Fronteiras Urbanas. Nesta última, Veiga aborda a gentrificação em vários lugares, utilizando tapumes e marcas de casas demolidas como metáfora para refletir sobre essa transição. O trabalho revela uma manifestação estética e evoca a sensação de perda e sofrimento presentes no processo de transformação. Bruno utiliza obras em processo de reabilitação como símbolo de mudança, enquanto os tapumes nas bordas da cidade representam a tentativa de fixação dos moradores com recursos limitados.




O trabalho convida o espectador a enxergar além do óbvio, despertando a percepção das sutilezas da nova paisagem social. Através da fotografia, o projeto aborda temas políticos, arquitetônicos, transformações urbanas e arte, que têm sido foco da trajetória de Bruno Veiga nos últimos 20 anos.

 

Danka Umbert trouxe a série Herança e reproduções em canvas de seu trabalho como muralista. O artista, natural de Florianópolis, tem 33 anos e é conhecido pelos murais de grandes dimensões, telas e pela destreza e habilidade com que produz ambos. O trabalho do artista, figurativo e repleto de elementos e signos tropicais, se destaca também pelo seu caráter conceitual.


Com uma extensa experiência como muralista internacionalmente reconhecido, Danka também assume o papel de curador em projetos, trazendo consigo sua expertise adquirida ao criar murais ao redor do mundo.



Durante sua trajetória, a arte de Danka foi estampada em murais de países como França, Espanha, Holanda, Portugal, Indonésia, Dinamarca, Suíça e Japão. Além disso, ele também trabalhou com marcas renomadas como Audi, Cerveja Corona, Converse, Oi, Whisky Jameson, Deus Ex Machina, MTN Colors e Red Bull, tanto no Brasil quanto no exterior.


Em 2020, Danka recebeu o Prêmio Aldir Blanc de reconhecimento artístico do estado de Santa Catarina, destacando sua contribuição significativa para o cenário artístico.



Assista ao vídeo de uma parte da exposição no youtube:





0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page